Pesquisa
Descritor em português: Sinapses
Descritor em inglês: Synapses
Descritor em espanhol: Sinapsis
Descritor em francês: Synapses
Código(s) hierárquico(s): A08.850
A11.284.149.165.420.780
Identificador Único RDF: https://id.nlm.nih.gov/mesh/D013569
Nota de escopo: Junções especializadas, nas quais um neurônio se comunica com uma célula alvo. Nas sinapses clássicas, a terminação pré-sináptica de um neurônio libera um transmissor químico armazenado em vesículas sinápticas que se difunde através de uma fenda sináptica estreita, ativando receptores na membrana pós-sináptica da célula alvo. O alvo pode ser um dendrito, corpo celular ou axônio de outro neurônio, ou ainda uma região especializada de um músculo ou célula secretora. Os neurônios também podem se comunicar através de acoplamento elétrico direto com SINAPSES ELÉTRICAS. Vários outros processos não sinápticos de transmissão de sinal elétrico ou químico ocorrem via interações mediadas extracelulares.
Nota de indexação: veja específicos; SINAPSES IMUNOLÓGICAS também está disponível; /fisiol: veja também TRANSMISSÃO SINÁPTICA; não confunda com "SYNAPSIS" que é UP, em inglês, de PAREAMENTO CROMOSSÕMICO
Qualificadores permitidos: CH química
CL classificação
DE efeitos dos fármacos
EN enzimologia
GE genética
IM imunologia
ME metabolismo
MI microbiologia
PA patologia
PH fisiologia
PS parasitologia
RE efeitos da radiação
UL ultraestrutura
VI virologia
Veja também os descritores: Junções Comunicantes MeSH
Sinaptossomos MeSH
Transmissão Sináptica MeSH
Identificador DeCS: 13949
ID do descritor: D013569
Documentos indexados na Biblioteca Virtual em Saúde (BVS): Clique aqui para acessar os documentos da BVS
Data de estabelecimento: 01/01/1966
Data de entrada: 01/01/1999
Data de revisão: 08/07/2008
Sinapses - Conceito preferido
Identificador do conceito M0020950
Nota de escopo Junções especializadas, nas quais um neurônio se comunica com uma célula alvo. Nas sinapses clássicas, a terminação pré-sináptica de um neurônio libera um transmissor químico armazenado em vesículas sinápticas que se difunde através de uma fenda sináptica estreita, ativando receptores na membrana pós-sináptica da célula alvo. O alvo pode ser um dendrito, corpo celular ou axônio de outro neurônio, ou ainda uma região especializada de um músculo ou célula secretora. Os neurônios também podem se comunicar através de acoplamento elétrico direto com SINAPSES ELÉTRICAS. Vários outros processos não sinápticos de transmissão de sinal elétrico ou químico ocorrem via interações mediadas extracelulares.
Termo preferido Sinapses



Queremos a sua opinião sobre o novo sitio web do DeCS/MeSH

Convidamos-lhe a responder a uma pesquisa que não levará mais que 3 minutos


Ir para pesquisa