Pesquisa
Descritor em português: Ceras
Descritor em inglês: Waxes
Descritor em espanhol: Ceras
Descritor em francês: Cires
Termo(s) alternativo(s): Cera
Código(s) hierárquico(s): D10.945
Nota de escopo: Substância plástica depositada por insetos ou obtida de plantas. As ceras são ésteres de vários ácidos graxos com álcoois superiores geralmente monoídricos. A cera de farmácia é principalmente cera amarela (cera de abelha), o material do qual é feito o favo de mel. Esta consiste principalmente de ácido cerótico e miricina, sendo usada para fazer pomadas, ceratos etc. Quando a cera amarela é descorada, torna-se branca. (Dorland, 28a ed)
Nota de indexação: qualif D25-26
Qualificadores permitidos: AE efeitos adversos
AN análise
CH química
CL classificação
CS síntese química
EC economia
HI história
IP isolamento & purificação
ME metabolismo
PD farmacologia
PK farmacocinética
PO envenenamento
RE efeitos da radiação
SD provisão & distribução
ST normas
TO toxicidade
TU uso terapêutico
Veja também os descritores: Cerume MeSH
Moldagem de Cera para Incrustações MeSH
Identificador DeCS: 15287
ID do descritor: D014885
Data de estabelecimento: 01/01/1966
Data de entrada: 01/01/1999
Data de revisão: 09/07/2003
Ceras - Conceito preferido
Identificador do conceito M0022903
Nota de escopo Substância plástica depositada por insetos ou obtida de plantas. As ceras são ésteres de vários ácidos graxos com álcoois superiores geralmente monoídricos. A cera de farmácia é principalmente cera amarela (cera de abelha), o material do qual é feito o favo de mel. Esta consiste principalmente de ácido cerótico e miricina, sendo usada para fazer pomadas, ceratos etc. Quando a cera amarela é descorada, torna-se branca. (Dorland, 28a ed)
Termo preferido Ceras
Termo(s) alternativo(s) Cera



Queremos a sua opinião sobre o novo sitio web do DeCS/MeSH

Convidamos-lhe a responder a uma pesquisa que não levará mais que 3 minutos


Ir para pesquisa