Pesquisa
Descritor em português: Anticorpos Biespecíficos
Descritor em inglês: Antibodies, Bispecific
Descritor em espanhol: Anticuerpos Biespecíficos
Descritor em francês: Anticorps bispécifiques
Termo(s) alternativo(s): Anticorpos Bifuncionais
Código(s) hierárquico(s): D12.776.124.486.485.114.125
D12.776.124.790.651.114.134
D12.776.377.715.548.114.134
Identificador Único RDF: https://id.nlm.nih.gov/mesh/D018033
Nota de escopo: Anticorpos, frequentemente monoclonais, em que os dois sítios ligantes de antígenos são específicos para determinantes antigênicos distintos. Estes anticorpos são artificiais, sendo produzidos por ligação química cruzada, fusão de HIBRIDOMAS, ou por técnicas de genética molecular. São os principais mediadores da citotoxicidade das células alvo, mostrando-se eficientes no direcionamento de drogas, toxinas, haptenos marcados com radioisótopos e células efetoras contra tecidos doentes, principalmente tumores.
Nota de indexação: não coordene com FORMAÇÃO DE ANTICORPOS para /bios
Qualificadores permitidos: AD administração & dosagem
AE efeitos adversos
AN análise
BI biossíntese
BL sangue
CF líquido cefalorraquidiano
CH química
CL classificação
DE efeitos dos fármacos
EC economia
GE genética
HI história
IM imunologia
IP isolamento & purificação
ME metabolismo
PD farmacologia
PH fisiologia
PK farmacocinética
PO envenenamento
RE efeitos da radiação
TO toxicidade
TU uso terapêutico
UL ultraestrutura
UR urina
Veja também os descritores: Imunotoxinas MeSH
Radioimunoterapia MeSH
Identificador DeCS: 31649
ID do descritor: D018033
Documentos indexados na Biblioteca Virtual em Saúde (BVS): Clique aqui para acessar os documentos da BVS
Data de estabelecimento: 01/01/1994
Data de entrada: 04/06/1993
Data de revisão: 25/06/2010
Anticorpos Biespecíficos - Conceito preferido
Identificador do conceito M0027219
Nota de escopo Anticorpos, frequentemente monoclonais, em que os dois sítios ligantes de antígenos são específicos para determinantes antigênicos distintos. Estes anticorpos são artificiais, sendo produzidos por ligação química cruzada, fusão de HIBRIDOMAS, ou por técnicas de genética molecular. São os principais mediadores da citotoxicidade das células alvo, mostrando-se eficientes no direcionamento de drogas, toxinas, haptenos marcados com radioisótopos e células efetoras contra tecidos doentes, principalmente tumores.
Termo preferido Anticorpos Biespecíficos
Termo(s) alternativo(s) Anticorpos Bifuncionais



Queremos a sua opinião sobre o novo sitio web do DeCS/MeSH

Convidamos-lhe a responder a uma pesquisa que não levará mais que 3 minutos


Ir para pesquisa