Pesquisa
Descritor em português: Proteína Inibidora do Complemento C1
Descritor em inglês: Complement C1 Inhibitor Protein
Descritor em espanhol: Proteína Inhibidora del Complemento C1
Descritor em francês: C1 Inhibiteur
Termo(s) alternativo(s): Membro 1 da Família G de Serpinas
SERPING1
Código(s) hierárquico(s): D12.644.861.140.500
D12.776.124.486.274.920.250.500
D12.776.395.320
D12.776.872.140.500
Identificador Único RDF: https://id.nlm.nih.gov/mesh/D050718
Nota de escopo: Glicoproteína plasmática endógena de 105 KDa produzida principalmente pelo FÍGADO e em MONÓCITOS. Inibe um amplo espectro de proteases, inclusive as proteases do COMPLEMENTO C1R e do COMPLEMENTO C1S da VIA CLÁSSICA DO COMPLEMENTO, e as SERINA PROTEASES ASSOCIADAS À PROTEÍNA DE LIGAÇÃO A MANOSE. Indivíduos deficientes em C1-INH sofrem de ANGIOEDEMA HEREDITÁRIO TIPOS I E II.
Nota de indexação: não confunda com PROTEÍNAS INATIVADORAS DO COMPLEMENTO 1
Qualificadores permitidos: AD administração & dosagem
AE efeitos adversos
AG agonistas
AN análise
BI biossíntese
CF líquido cefalorraquidiano
CH química
CL classificação
CS síntese química
DE efeitos dos fármacos
EC economia
GE genética
HI história
IM imunologia
IP isolamento & purificação
ME metabolismo
PD farmacologia
PH fisiologia
PK farmacocinética
PO envenenamento
RE efeitos da radiação
SD provisão & distribuição
ST normas
TO toxicidade
TU uso terapêutico
UL ultraestrutura
UR urina
Combinação de entrada: deficiency:Hereditary Angioedema Types I and II
Identificador DeCS: 50836
ID do descritor: D050718
Documentos indexados na Biblioteca Virtual em Saúde (BVS): Clique aqui para acessar os documentos da BVS
Data de estabelecimento: 01/01/2006
Data de entrada: 30/06/2005
Data de revisão: 27/02/2017
Proteína Inibidora do Complemento C1 - Conceito preferido
Identificador do conceito M0476632
Nota de escopo Glicoproteína plasmática endógena de 105 KDa produzida principalmente pelo FÍGADO e em MONÓCITOS. Inibe um amplo espectro de proteases, inclusive as proteases do COMPLEMENTO C1R e do COMPLEMENTO C1S da VIA CLÁSSICA DO COMPLEMENTO, e as SERINA PROTEASES ASSOCIADAS À PROTEÍNA DE LIGAÇÃO A MANOSE. Indivíduos deficientes em C1-INH sofrem de ANGIOEDEMA HEREDITÁRIO TIPOS I E II.
Termo preferido Proteína Inibidora do Complemento C1
Termo(s) alternativo(s) Membro 1 da Família G de Serpinas
SERPING1



Queremos a sua opinião sobre o novo sitio web do DeCS/MeSH

Convidamos-lhe a responder a uma pesquisa que não levará mais que 3 minutos


Ir para pesquisa