Pesquisa
Descritor em português: Corpos Cetônicos
Descritor em inglês: Ketone Bodies
Descritor em espanhol: Cuerpos Cetónicos
Descritor em francês: Corps cétoniques
Termo(s) alternativo(s): Corpos Acetônicos
Código(s) hierárquico(s): D02.522.585
Identificador Único RDF: https://id.nlm.nih.gov/mesh/D007657
Nota de escopo: As seguintes substâncias metabólicas: ACETONA, ÁCIDO 3-HIDROXIBUTÍRICO e ácido acetoacético (ACETOACETATOS). São produzidas no fígado e nos rins durante a oxidação de ÁCIDOS GRAXOS e usados como fonte de energia pelo coração, músculo e encéfalo.
Nota de indexação: cetogênese é provavelmente CORPOS CETÔNICOS /bios
Qualificadores permitidos: AD administração & dosagem
AE efeitos adversos
AG agonistas
AI antagonistas & inibidores
AN análise
BI biossíntese
BL sangue
CF líquido cefalorraquidiano
CH química
CL classificação
CS síntese química
DF deficiência
EC economia
GE genética
HI história
IM imunologia
IP isolamento & purificação
ME metabolismo
PD farmacologia
PH fisiologia
PK farmacocinética
PO envenenamento
RE efeitos da radiação
SD provisão & distribução
ST normas
TO toxicidade
TU uso terapêutico
UR urina
Veja também os descritores: Cetose MeSH
Identificador DeCS: 7822
ID do descritor: D007657
Documentos indexados na Biblioteca Virtual em Saúde (BVS): Clique aqui para acessar os documentos da BVS
Data de estabelecimento: 01/01/1966
Data de entrada: 01/01/1999
Data de revisão: 25/06/2010
Corpos Cetônicos - Conceito preferido
Identificador do conceito M0011993
Nota de escopo As seguintes substâncias metabólicas: ACETONA, ÁCIDO 3-HIDROXIBUTÍRICO e ácido acetoacético (ACETOACETATOS). São produzidas no fígado e nos rins durante a oxidação de ÁCIDOS GRAXOS e usados como fonte de energia pelo coração, músculo e encéfalo.
Termo preferido Corpos Cetônicos
Corpos Acetônicos - Mais específico
Identificador do conceito M0011992
Termo preferido Corpos Acetônicos



Queremos a sua opinião sobre o novo sitio web do DeCS/MeSH

Convidamos-lhe a responder a uma pesquisa que não levará mais que 3 minutos


Ir para pesquisa